BREAKING NEWS

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Água Morta


O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), divulgou um novo relatório que afirma que cerca de 150 zonas de mares e oceanos já estão mortas. Cada zona morta pode medir cerca de 70 mil Km2 e estão espalhadas por todo o mundo. Problemas como o alto nível de fósforo e nitrogênio nas águas está matando crustáceos, peixes e outras espécies vivas que habitam os mares e oceanos, isso se deve ao alto consumo de fertilizantes agrícolas e resíduos de esgotos domésticos e industriais despejados diariamente nas águas.

Além da destruição da biodiversidade das águas, estima-se que cerca de 3,5 bilhões de pessoas dependem da pesca como a sua principal fonte de renda e com a escassez de espécies nos oceanos e mares a pesca se torna mais difícil, acarretando fome e miséria à família de pescadores.

Dados do Fundo Mundial da Natureza (WWF) mostram que em 30 anos a população de peixes grandes – como o bacalhau e o atum – caiu 30%; no último século, decresceu 90%. Por exemplo, em 1970, as embarcações pesqueiras tiravam do mar cerca de 3 milhões de toneladas de pescados; já em 2000, este numero caiu para 950 mil toneladas.

Share this:

 
Back To Top
Copyright © 2015 Conceito de Ecologia. Designed by OddThemes